Volume 19  Edição 858     10 de fevereiro de 2019

Página 3

Últimas verdades, mentiras e boatos da Bolsa

Para a pág. 4

É verdade que   a "paz" na Bovespa entre os investidores estrangeiros e os institucionais nacionais, durou pouco,  apenas os últimos pregões de janeiro.

Nos primeiros pregões de fevereiro, os estrangeiros são destaque na compra (R$ 495 MM), juntamente comas pessoas físicas (R$ 1.735 MM),  enquanto que os institucionais são destaque nas vendas (R$ 1;760 MM),  juntamente com as empresas públicas e priivadas R$ 669 MM).


Ainda é cedo para perceber tendências, mas parece que o cenário habitual de oposiçáo entre os dois grandes grupos está voltando.



É mentira
que sejam infundados os temores dos mercados quanto ao rumo da guerra comercial entre a Chima e os Estados Unidos:  afinal, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou na quinta-feira que não planeja se reunir com o presidente chinês, Xi Jinping, antes do prazo de 1 de março determinado pelos dois países para alcançarem um acordo comercial.

Questionado durante um     evento no Salão Oval se haveria uma reunião antes do prazo, Trump disse: "não".

Quando questionado se haverá uma reunião no próximo mês, Trump disse: "Ainda não. Talvez.  Provavelmente em breve."

As declarações confirmaram afirmações de autoridades do governo que disseram que os dois não devem se encontrar antes do prazo, afetando as expectativas de um rápido acordo comercial e provocando recuo nos mercados acionários dos EUA.

No final do ano passado, durante jantar entre Trump e Xi na Argentina, os dois concordaram em dar uma pausa de 90 dias na guerra comercial para que suas equipes tivessem tempo para negociar um acordo.

Se as negociações não tiverem sucesso, Trump ameaçou elevar as tarifas dos EUA sobre as importações chinesas. Outra rodada de negociações está marcada para a próxima semana em Pequim.


Pode haver exagero nas preocupações,  mas motivos
existem...




É verdade que
a apresentação de dois ou mais pacotes legislativos pelo Governo,  ao mesmo tempo, não atrapalha em nada o processo de apreciação dos mesmos pelo Congresso,  que está habituado a lidar com múltiplas tarefas e tem procedimentos regimentais bem determi-,nados para como fazê-lo. 

Ao contrário,  afirmam especialistas,  múltiplos assuntos são muito úteis para as negociações.


Boato 1
: O Governo estaria estudando cobrar IOF em operações de câmbio hoje isentas,l
Boato 2:  O bom resultado das Lojas Renner no final do ano não seria semelhante para todo o setor do varejo.
       -  colhidos na Internet -

           COMUNICADO

   (clique abaixo e divulgue)

A todos os leitores e amigos
do
Verdades e Mentiras da Bolsa


"Há anos acompanho o seu site. Acho-o muito bem elaborado, útil e qualificado. Parabéns. Pode contar com a minha contribuição mensal, conforme sugerido. Segue comprovante da doação ref. março/2013."

"como leitor interessado na continuidade da circulação do V&M fiz transferência no valor de R$120,00 agendada para 04/03, seguindo o valor sugerido de R$10 por mês, considere minha doação para todo o ano de 2013. Torço para que receba as contribuições necessárias para a manutenção da publicação."

"Vale muito mais do que 10,00...(!) .  Acompanho há anos. Ótimo trabalho. Com o tempo, vou quitando minha dívida."